RESSUSCITADOS PARA A VIDA!

 

Disse-lhes JESUS: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e todo o que vive e crê em mim, não morrerá, eternamente. Crês isto?

João 11. 25 – 26

 

Ao nos depararmos com a História da ressurreição de Lázaro, podemos observar o quanto foi difícil para aquela família, a perda de um ente querido. Lázaro estava enfermo, suas irmãs mandaram chamar Jesus. Quando o Mestre recebeu a notícia da enfermidade falou: Esta enfermidade não é para a morte e sim para a glória de Deus. (João 11.4)

Jesus ainda se demorou dois dias em outra cidade pregando o evangelho, depois falou a seus discípulos para irem à Judeia, porém, no exato momento da morte de Lázaro, Jesus relatou a seus discípulos que ele havia adormecido e que iria despertá-lo. Os discípulos não entenderam muito bem, achavam que Lázaro havia dormido, porém o Senhor Jesus falou claramente: Lázaro morreu. (João 11.14) Depois de quatro dias, Jesus foi a região onde Lázaro morava com suas irmãs. No momento em que Marta soube que Jesus estava em sua cidade, foi ao seu encontro e falou: Senhor, se tu estivesses aqui, meu irmão não teria morrido. Mas também, agora, sei que tudo quanto pedires a Deus, Ele o concederá. (João 11.21) O Senhor Jesus falou a Marta que Lázaro haveria de ressurgir, porém Marta replicou: Eu sei Senhor, no último dia. Jesus, porém falou: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e todo o que vive e crê em mim, não morrerá, eternamente. Crês isto? (João 11. 25 – 26)

 

 Naquele mesmo dia, Jesus ressuscitou Lázaro e todos que estavam na companhia daquela família puderam ver a glória de Deus manifestada. Jesus é Deus e para Ele não há causa impossível. Louvado seja o nome do Senhor!

Muitos de nós já tivemos essa experiência na vida, eu mesma com a perda de meu pai, na época, quando criança, não entendia muito bem o que acontecera, imagine, uma mulher, mãe de seis filhas, que acabara de perder seu esposo, pois havia falecido de uma doença terminal, agora ter que recomeçar tudo em sua vida, estudar, trabalhar, inúmeras vezes se sacrificar para não deixar ninguém sob sua guarda, passar necessidade. Mas um dia, esse mesmo Deus chamado Jesus, que transformou a família de Maria e Marta, trazendo vida para aquele lar, entrou em nossas vidas e mudou a trajetória de nossa família, nos fez olhar com outra perspectiva para aquilo que aparentemente estava acabado. O meu pai não ressuscitou naquele momento, porém, a nossa fé foi firmada na Rocha que é Jesus e pudemos confiar em Deus que nos deu a salvação, provisão e a certeza de que Ele é o Deus da ressurreição e da vida, ainda que morramos, teremos a vida eterna em Cristo Jesus. Aleluia! Porque somente o Senhor pode nos dar essa certeza.

Eu não sei qual a sua experiência de vida com relação a perdas familiares que você tenha passado, porém, o que eu sei, é que Jesus é o caminho, a verdade e a vida. Ele nos promete vida eterna após a morte física.

Creia nisso!

Que a graça do Senhor Jesus seja com todos!

Eloyza Corrêa

Coordenação de Educação Cristã

Leave A Comment